quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Filipinos evitam atentado ao Papa e Yezidis vingam-se

Milícias yezidis terão massacrado civis sunitas
O Patriarca de Lisboa deu uma grande entrevista à Renascença, na qual fala de vários assuntos, desde a sua elevação ao cardinalato, dentro de poucos dias, até ao sínodo da família, de Outubro. Vejaaqui o que disse de mais importante.

Em Portugal também existe tráfico humano. Este é, aliás, um assunto a que o Papa tem dado merecido destaque, incluindono domingo passado.

As autoridades filipinas dizem que conseguiram evitarum ataque ao Papa enquanto este esteve no país.

A Igreja de Évora aceitou a sugestão da fundação Ajuda à Igreja que Sofre, e vai encaminhar a renúnciaquaresmal para os cristãos do Médio Oriente.

Muito falámos do sofrimento dos Yezidis, outra religião minoritária do Médio Oriente, perseguida ainda mais ferozmente que os cristãos. Infelizmente, agora que o Estado Islâmico retirou do terreno que ocupava, osyezidis ter-se-ão vingado nas populações sunitas locais. A confirmar-se, é uma pena. Esperemos que os cristãos não caiam na mesma tentação.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Partilhar