terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

200 cristãos raptados na Síria num só dia

Zak Ebrahim, filho de terrorista, escolheu a paz
O dia de segunda-feira começou da pior maneira, com notícia de ataques do Estado Islâmico a aldeias cristãs no Nordeste da Síria, que resultaram no rapto de cerca de 200 homens, que são agora reféns dos islamitas.

Como que para nos recordar que isto não tem sempre de ser assim, temos uma entrevista com o filho de um dos terroristas que ajudou a planear o 11 de Setembro. Zak foi educado no fundamentalismo, mas escolheu o caminho da paz.

A Conferência Episcopal portuguesa saudou D. Manuel Clemente por ter sido elevado ao cardinalato e traçou objectivos para o próximo encontro plenário dos bispos.

O mesmo D. Manuel Clemente já começou as suas catequeses quaresmais e ontem aproveitou para elogiar a preparação do sínodo sobre a família, que decorre em Outubro.

Estreou a semana passada um documentário sobre a vida de um capelão prisional. Saiba mais, aqui, sobre este filme das irmãs Leitão.

Termino com um apelo. Os organizadores da iniciativa de 40 dias de oração pela vida lamentam a falta de voluntários. Só se pede que vão rezar. Não é preciso abordar ninguém, falar com ninguém, apenas rezar. Quantos o podem fazer mas estão em casa por preguiça? Penso em mim também.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Partilhar