quarta-feira, 3 de junho de 2015

The Catholic Thing precisa de si...

Uma vez que não há grandes notícias a partilhar, mas aproveito para divulgar o artigo desta semana do The Catholic Thing, e falar um pouco sobre este projecto.

Neste artigo, o grande Anthony Esolen, um dos meus autores preferidos, pergunta onde estão os grandes heróis do Cristianismo de outros tempos, apontando como exemplo o cardeal Mercier, da Bélgica, que defendeu tão tenazmente o seu povo durante a Primeira Guerra Mundial, sob ocupação alemã. Talvez estes novos heróis estejam entre os perseguidos, diz o autor, apontando como exemplo uma criança de 10 anos que recusou renunciar à fé e que poderá ter sido morto pelo Estado Islâmico. Leiam, que é um artigo inspirador.

Este é o 170º artigo do The Catholic Thing que publicamos em português, num registo semanal, que decorre sem falhas há mais de três anos. O que nem todos saberão é que o The Catholic Thing, que publica um artigo em inglês todos os dias, vive unicamente das contribuições dos seus leitores.

Duas vezes por ano o site faz uma angariação de fundos, pedindo as tais contribuições. Estamos novamente numa dessas alturas.

Quero deixar muito claro que os donativos que são feitos para o The Catholic Thing vão directamente para lá, não passam por mim nem pelo Actualidade Religiosa. Eu tenho um entendimento com o TCT que me permite traduzir e publicar um artigo deles por semana.

Mas quero também deixar claro que sem os donativos dos leitores não haverá TCT em inglês, quanto mais em português. Habituamo-nos à ideia de que tudo o que lemos na internet nos chega de borla, mas há custos envolvidos num projecto desta dimensão que, se me permitem dizê-lo, faz falta à Igreja seja em que país for.

Por isso, se puderem e quiserem, não deixem de contribuir e, não se esqueçam, não há valores demasiado pequenos… Tudo ajuda!


Sem comentários:

Enviar um comentário

Partilhar