quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Ministra secundária mais conservadora que primeiro conservador

Freiras anglicanas a caminho de Roma
O Ministério Público decidiu abrir um inquérito sobre alegados abusos sexuais no Patriarcado de Lisboa, depois de Catalina Pestana ter dito que sabia de pelo menos cinco casos. D. Nuno Brás, ontem na Renascença, saudou a decisão e estranhou ela não ter sido tomada há mais tempo, mas afirmou não ter conhecimento de nenhum caso concreto.

A Alemanha aprovou uma lei que protege a circuncisão naquele país. Sim, chegámos ao ponto em que o ritual central da mais antiga religião monoteísta do mundo tem de ser protegido por decreto…

No Reino Unido o primeiro-ministro conservador não descansa enquanto não mudar a definição do conceito de casamento. Uma sua ministra tornou-se a mais recente crítica da proposta de legalizar o “casamento” gay.


No Reino Unido uma comunidade de 11 freiras anglicanas decidiu entrar em comunhão com a Igreja Católica ao abrigo do Ordinariato de Nossa Senhora de Walsingham.

Amanhã é dia de festas de Natal nas escolas dos herdeiros, por isso não deve haver Actualidade Religiosa. Bom fim-de-semana e até segunda, se Deus quiser!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Partilhar