segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Cardeais e dupla devota em Berlim

A grande notícia do fim-de-semana foi, claro, o consistório em Roma em que Bento XVI criou 22 novos cardeais, um dos quais português.

A Renascença teve duas jornalistas presentes (e não dois, como injustamente referi na Sexta), pelo que temos muitos textos e vídeos no site. Deixo apenas algumas sugestões, chegam às outras através das notícias relacionadas.

Colégio dos Cardeais já reflecte Bento XVI (sobre a composição do Colégio, agora que mais de metade dos cardeais eleitores foi nomeado por Bento XVI)

Durante o fim-de-semana foram-me pedidos dois artigos de opinião, que podem também ler aqui.
A quem servir o barrete… (reflexão sobre o discurso do Papa e as recentes polémicas vindas do Vaticano)
Carta aberta a D. Manuel Monteiro de Castro (circula que o novo cardeal disse, numa entrevista, que o lugar da mulher é em casa. Mas foi mesmo isso que ele disse?)

De hoje há duas notícias internacionais. No Myanmar um monge budista volta a desafiar a ditadura e a Alemanha vai passar a ter uma dupla interessante a liderar o país. Angela Merkel, cristã devota e filha de um pastor protestante, e Joachim Gauck, pastor protestante que desafiou o regime comunista da Alemanha do Leste.

Por fim, uma correcção. Na sexta-feira o centralismo apoderou-se de mim e disse, incorrectamente, que Lisboa ia acolher o Átrio dos Gentios. Na verdade vai ser Guimarães. Peço desculpa.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Partilhar