segunda-feira, 30 de junho de 2014

Derrota contraceptiva para Obama... e muito mais!

Que diria a freira mais destemida do faroeste
sobre o "mandato contraceptivo?
Temos muita coisa hoje, mas vamos começar por uma notícia de última hora… O Supremo Tribunal dos EUA decidiu contra o Governo americano no caso “Hobby Lobby”, que diz respeito ao mandato contraceptivo do ObamaCare. É uma importante vitória para a liberdade religiosa. Saiba tudo aqui. Há ainda contextualização aqui e aqui.

Antes de sair dos EUA, conheça a fantástica história da freira mais destemida do faroeste, que poderá estar a caminho da santidade. A irmã Blandina enfrentou, entrou outros, o famoso Billy the Kid…

Este fim-de-semana tivemos três notícias importantes do Papa Francisco. No domingo foi a missa da solenidade de São Pedro e de São Paulo, em que o Papa impõe o pálio aos novos arcebispos. Para além de ter perguntado aos presentes do que é que têm medo, o Papa fez questão de usar um pálio “normal” em vez do “Papal”, o que pode ser mais significativo do que uma mera questão de moda.

Mas mais interessante foi a entrevista que o Papa concedeu a um jornal italiano, em que disse que, em relação à pobreza, “os comunistas roubaram a bandeira” ao Cristianismo.

Antes, no sábado, o Papa tinha dado um recado importante sobre o diálogo ecuménico. Falando a uma delegação ortodoxa, Francisco convidou todos a olharem-se pelos olhos da fé.

Temos ainda para si uma entrevista com um padre nigeriano em Portugal, sobre a situação na Nigéria com os ataques do Boko Haram, bem como as últimas de Meriam Ibrahim que foi novamente libertada e encontra-se na embaixada americana no Sudão.

Mudando de ares, começou este fim-de-semana o Ramadão. O Sheikh David Munir explica quais são as dificuldades de não comer nem beber, em pleno verão, durante 17 horas e esclarece que os jogadores da selecção argelina não são obrigados a jejuar hoje, o dia em que jogam os oitavos de final do Campeonato do mundo. Pode ler a transcrição integral da entrevista aqui.

Para terminar, na passada sexta-feira a RTP transmitiu uma reportagem difamatória sobre uma pessoa que me é muito próxima. Porque a conheço e porque me dei ao trabalho de conhecer o caso, escrevi este artigo que vos convido a ler.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Partilhar