terça-feira, 10 de novembro de 2015

O Papa e o veneno no Prato


Santos da Ordem Dominicana
O Papa Francisco passou o dia em Florença. Na visita à localidade de Prato criticou o “cancro da corrupção e o veneno da ilegalidade” e depois, ao clero italiano reunido apresentou Cristo como modelo para um novo humanismo.

Durante o passado fim-de-semana os dominicanos reuniram-se em Fátima, onde começaram a assinalar os 800 anos da fundação da Ordem dos Pregadores.

O Parlamento iraquiano aprovou uma lei que discrimina ainda mais os cristãos naquele país. Em resposta o Patriarca da Igreja Caldeia ameaçou com o tribunal internacional e diz que os deputados estão a contradizer o próprio Alcorão.

Para quem estiver pelos lados da Baixa de Lisboa, amanhã estarei na loja da Alêtheia, na Rua de O Século, perto da Calçada do Combro, a partir das 13h, para falar do meu livro “Que Fazes Aí Fechada”. Apareçam!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Partilhar