segunda-feira, 6 de abril de 2015

Artista portuguesa baptizada pelo Papa

Campo de refugiados de Yarmouk... ou inferno...
O Papa Francisco aproveitou as celebrações pascais, e a sua tradicional bênção Urbi et Orbi, para pedir a paz para as regiões do mundo que estão em guerra. Tomara não fossem tantos, mas mais de metade da mensagem foi a enumerar os locais de conflito.

Mas os cristãos perseguidos foram a principal preocupação de Francisco nas suas mensagens e homilias, como fez questão de recordar esta segunda-feira de manhã.

Os média portugueses estiveram particularmente atentos à história de Helena Lobato, que foi baptizada pelo Papa na Vigília Pascal e que lhe ofereceu um retrato do próprio. Aqui têm a história da conversão dela, gravada antes de ir para Roma.

Claro que as celebrações pascais foram manchadas pelo terrível massacre, no Quénia, de cerca de 150 estudantes de uma universidade. Sabe-se agora que os terroristas separaram os cristãos dos muçulmanos antes de mataremos primeiros.

Entretanto o Estado Islâmico ocupou grande parte de um campo de refugiados para palestinianos, em Damasco. Trata-se do mais próximo que o grupo já chegou do centro do poder na Síria, mas é interessante verificar que, em Yarmouk, o Estado Islâmico procedeu a uma “limpeza” de tudo o que fosse militante do Hamas. Saiba aqui porque é que os islamitas do Estado Islâmico andam a decapitar islamitas do Hamas

Soube-se esta segunda-feira que as celebrações de Fátima serão presididas, no próximo mês de Maio, pelo bispo D. Raymundo Damasceno Assis, presidente da Conferência Episcopal do Brasil.

E atenção a todos os que têm interesse em cinema… O Bíblia Moov está a desafiar jovens a fazer vídeos sobre as parábolas.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Partilhar