sexta-feira, 18 de junho de 2021

Vitória para a Liberdade Religiosa e selos para heróis

A Liberdade Religiosa conseguiu uma vitória contundente esta quinta-feira nos EUA, com o Supremo Tribunal a dar razão, por unanimidade, a uma agência de adopção católica que não aceitava ser forçada a colocar crianças com casais homossexuais.

Na Europa quer-se tentar – novamente – consagrar o aborto como um “direito humano”. Os bispos da União Europeia dizem não!

Por cá foi dia de os CTT emitirem uma coleção de selos que comemoram cinco cidadãos portugueses que ajudaram a salvar judeus durante o holocausto. Conheça aqui as suas histórias.

Depois de dois anos sem muitas das tradições populares que nos caracterizam, poderão estas sobreviver? É o que temem alguns populares, como os devotos de Nossa Senhora do Desterro.

D. José Ornelas diz que a pandemia teve, pelo menos, o efeito positivo de aumentar a sensibilidade para os problemas sociais.

E não deixem de ler o artigo desta semana do The Catholic Thing, sobre a noção de se estar, ou não, do “lado certo da história”. Mais vale, diz o autor, estar sempre do lado certo da consciência.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Partilhar