terça-feira, 18 de setembro de 2012

O filme de Maomé e a cabeça de Salman Rushdie

Uma cabeça que vale 3,3 milhões de dólares
A viagem de Bento XVI correu bem e sem perigos. A Aura Miguel faz aqui uma síntese desta visita.

O Papa foi entregar aos bispos do Médio Oriente a Exortação Apostólica correspondente ao Sínodo que decorreu em 2010. Podem ler o meu resumo desse documento aqui.

Entretanto o mundo islâmico continua com tumultos por causa do filme sobre Maomé. Mas há vozes muçulmanas que se erguem contra a violência, incluindo a do Grão Mufti da Arábia Saudita e a deste americano, que vale bem a pena escutar.

Na mesma altura (mas que timing!) é publicado o livro de memórias de Salman Rushdie, o que levou a que o seu valor (o valor da sua cabeça, entenda-se), aumentasse em 500 mil dólares

Por cá não há cabeças a prémio, por enquanto, mas os bispos lembram que a “política não é nenhum ringue”. Imaginem as audiências do Canal Parlamento se fosse!

E Guimarães e Braga vão receber uma sessão do Átrio dos Gentios em Novembro, em que deverão participar Olga Roriz, Assunção Cristas e valter hugo mae.

Por fim, para quem interessar, o sociólogo de religiões José Maria Pereira Coutinho, vai falar sobre a religiosidade dos universitários amanhã, no Seminário Mundos juvenis no Instituto de Ciências Sociais, pelas 17h30.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Partilhar