terça-feira, 10 de dezembro de 2019

Longa caminhada até ao sacerdócio

Os bispos portugueses garantem que vão estar de “corpo inteiro” na luta contra a Eutanásia, anúncio feito no dia em que o Vaticano apresentou um encontro de promoção dos cuidados paliativos.  

Hoje temos algumas notícias sobre perseguição aos cristãos em África. Começamos com o Burkina Faso, onde um bispo se queixa do desprezo do mundo pelo sofrimento do seu povo e apresentamos o padre Gaetan Kabasha, que sobreviveu a um genocídio, um campo de refugiados e duas guerras para poder ser ordenado sacerdote.

Ainda em África o bispo português das Forças Armadas foi visitar os militares portugueses para desejar um santo Natal.

O Papa Francisco foi até às Filipinas buscar o cardeal Tagle, que muitos apontam como possível sucessor do atual Papa. Passará a trabalhar diretamente em Roma.

Não deixem de ler o artigo da semana passada do The Catholic Thing, em que o padre Paul Scalia fala da importância da esperança na Igreja, especialmente em tempos de desespero.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Partilhar